Palavra da Semana

Oração

“Orai sem cessar” 1 Tess 5.17

 

Qual a marca de um cristão? O que o difere do mundo ao seu redor?

Seria a linguagem? Seria o modo de se vestir? Não. A marca de um cristão precisa ser a vida de oração.

Se apenas formos pessoas de caráter, não seremos mais que um ser humano de caráter.

Precisamos ser cheios de Deus, ter vida com Deus, buscar a Deus.

Muitas pessoas se convertem, gostam da igreja, participam dos eventos, assistem muitas pregações na internet, sentem a presença de Deus…vão a seminários de cura, de libertação…mas não têm uma vida de oração.

Podemos nos lembram de Billy Graham que, quando criança, visitou o Museu da Casa de John Wesley, e viu as marcas dos joelhos de Wesley no chão, ao lado da cama. Aquilo o impactou, e depois a professora o encontrou ajoelhado no mesmo lugar, orando. Ele se tornou um homem poderosamente usado por Deus.

No cenáculo, em Atos 2, quando o Espírito Santo desceu, os discípulos estavam orando. E eles ainda não falavam em línguas!

A oração é tão necessária para um cristão, que não há como argumentar contra isso. Há quem diga que estamos no tempo da graça, e tudo já foi conquistado, e não precisamos mais buscar. Mas sabemos que, de fato, não é assim.

Precisamos colocar nossos joelhos no chão, e não apenas alguns minutos para cumprir a meta do dia. Precisamos dedicar tempo, e tempo de qualidade, ao Senhor, para sermos pessoas cheias do Espírito e que conseguem viver como luzeiros neste mundo de trevas.

Não deixe que a frieza e que os pensamentos naturais te levem a ser um cristão vazio e natural. Exercite sua vida de oração. É o seu quarto, no seu cenáculo, que você terá as maiores experiências com Deus!

Não podemos ser crentes naturais. Precisamos ser crentes de oração! Precisamos ouvir a voz de Deus!

 

-Jonathas L. Miguel