Estudo de Célula

O povo mais corajoso da Terra

Texto-Chave: II Coríntios 4:8-10

Vivemos dias de tragédia. Muitas más notícias chegam à nossa alma, com o drama e a morte de muitas pessoas em toda a terra…

Como reagimos? Com pavor ou com valentia? A Igreja do Senhor tem enfrentado ao longo da História todo tipo de tragédia. Ela já nasceu debaixo de perseguição. Os primeiros apóstolos e seus discípulos enfrentaram prisões e martírio. O Comunismo perseguiu, prendeu, torturou e matou dezenas de milhões de cristãos. Isso ainda ocorre hoje em países como Coréia do Norte e China. O Islamismo e o Hinduísmo radical também separam famílias de crentes e mata milhares deles. Em todas as pandemias e muitas guerras, a Igreja de Cristo esteve presente e, não apenas sobreviveu, como foi essencial para manter a sociedade e promover a restauração… A verdade é que, apesar de todas as tragédias, o povo de Deus se manteve forte e continuou crescendo. Os verdadeiros crentes são o povo mais corajoso do planeta! Eles sofrem, mas não sucumbem diante da calamidade. A fé e a aliança com Cristo, quando estabelecidas no coração, sustentam uma pessoa nas mais difíceis circunstâncias.
Hoje vamos estudar de onde vem a coragem dos verdadeiros cristãos!
1) TEMOS UMA FONTE DE PAZ SOBRENATURAL – Filipenses 4:6-7 – Há uma fonte sobrenatural de paz disponível para os filhos de Deus. É algo que não vem da razão e nem das circunstâncias, mas da presença de Deus conosco. À medida em que nos enchemos da Palavra e mantemos comunhão com o Espírito, ganhamos uma segurança inexplicável, ainda que o mundo esteja desabando à nossa volta. Era por essa paz que Jesus dormia sobre um travesseiro, mesmo em meio à uma grande tempestade – ler também Marcos 4:37-38; Salmos 4:8; João 14:27.
2) SOMOS MOVIDOS POR UM AMOR ALTRUÍSTA – I João 4:18 – O verdadeiro crente, cheio do Espírito Santo, quando vê alguém sofrer, enche-se de força para ajudar. A solidariedade é um poder interior que
Praça das Nações, S/N – Centro – Brodowski/SP – 14340-000 – (16) 3664.4410
move os homens de Deus a arriscarem suas vidas para abençoar pessoas. Quando amamos, o argumento do amor é mais forte do que o argumento do medo! – Ler também I João 3:16; Romanos 8:15, Filipenses 2:5-8.
3) NÃO TEMOS MOTIVO PARA TEMER A MORTE – Filipenses 1:21 – A melhor coisa que pode acontecer a um crente é a sua morte, pois ela significa a entrada na felicidade plena da presença de Deus. Todo aquele que se converteu a Cristo tem a vida eterna. Se, de fato, cremos em Cristo e sua palavra, não temos nenhum receio de partir deste mundo. É normal que nos preocupemos com a saudade que sentirão aqueles que ficam, mas nós mesmos estaremos vivendo numa dimensão incomparavelmente melhor que a vida terrenal! – ler também João 5:24; 11:26; I Coríntios 15:19.
4) SOMOS FORTALECIDOS PELA VALENTIA DOS NOSSOS IRMÃOS – I Pedro 5:8-10 – Temos tantos exemplos na Bíblia, na História e na nossa geração, de servos de Deus que enfrentam o sofrimento com fidelidade e intrepidez, que somos fortalecidos por seus testemunhos. Se a graça de Deus foi e é capaz de sustentá-los em situações de aflição, será conosco também! – ler também Filipenses 1:12-14.
5) QUALQUER SOFRIMENTO PRESENTE NÃO SE COMPARA À GLÓRIA ETERNA – II Coríntios 4:16-17 – Justamente porque o evangelismo envolve guerra espiritual, o império das trevas tenta retaliar a igreja para que ela perca o foco e recue. Por isso, é importante antes e durante qualquer marcha de conquista do povo de Deus, levantar muros de proteção sobre o arraial dos santos, através da oração – Ler também Romanos 8:16-18.
CONCLUSÃO – Se houver algum visitante não crente ou desviado, desafie-o a entregar sua vida a Cristo e segui-lo a partir de hoje. Conduza uma oração de entrega e consolide-o. Invista um tempo com seus discípulos em oração, de acordo com a Palavra ministrada.
IMPORTANTE – Insista com todos os membros da célula para que participem dos cultos online, enquanto não podemos nos reunir presencialmente. Ovelha desgarrada é ovelha desprotegida! Identifique os que não participaram da videoconferência da célula e ligue para eles, pra saber o que houve. Se houver na célula pessoas sem acesso à Internet, peça para que todos liguem durante a semana para saber como estão, animá-las e orar por elas.

(Por Pr. Danilo Figueira)

Nenhuma tag