Palavra da Semana

Visão espiritual

Sabemos que, como cristãos, precisamos ter uma visão espiritual aberta.

“Para que o Deus de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai da glória, vos dê em seu conhecimento o espírito de sabedoria e de revelação;
Tendo iluminados os olhos do vosso entendimento, para que saibais qual seja a esperança da sua vocação, e quais as riquezas da glória da sua herança nos santos”
Efésios 1:17,18

Muitos cristãos ainda têm uma visão muito natural das coisas. Crêem em Deus, mas sua mente é totalmente natural, e não entendem o que Deus está fazendo, e o que o inimigo está fazendo. Se desesperam, preocupam, irritam, abalam, brigam, falam bobeiras, pois enxergam tudo com uma ótica muito natural.
Não podemos ser extremistas espirituais, que espiritualizam tudo, mas com certeza precisamos considerar o mundo espiritual, que é bem mais real que nosso mundo natural, que terá fim.

Há uns bons anos foi lançado o livro ESTE MUNDO TENEBROSO, de Frank Peretti, que abriu os olhos espirituais de muita gente. O livro fala sobre um pastor que se mudou para uma cidade pequena e começou a fazer a obra ali, e enfrentou muitos desafios, e o livro mostra claramente a guerra entre anjos e demônios que acontecia ali.

Rick Joyner também escreveu A BATALHA FINAL e A CHAMADA FINAL, que foram experiências que ele teve, vendo o reino do espírito, os cristãos marchando cansados e doentes (uma realidade de muitos), a montanha que precisamos subir e as revelações que nos transformam, bem como as águias que o Senhor envia, que são as palavras proféticas.

O Senhor tem aberto a visão de sua igreja para a realidade que nos cerca. O Senhor é real, e anjos e demônios são reais, e precisamos estar a par disso.

A primeira visão que precisamos ter, não é a visão de enxergar anjos, demônios, óleo, chaves, etc, mas é a visão do DISCERNIMENTO.

Todo cristão precisa ter discernimento em seu espírito, que é SABER SEPARAR O QUE VEM DE DEUS E O QUE VEM DO INIMIGO.
O mundo natural é mais complicado, pois existem várias filosofias, vários partidos, mas o espiritual é bem mais simples, pois existem somente 2 lados: DEUS E O INFERNO. Portanto, é bem mais fácil desenvolver discernimento espiritual, caminhando com Cristo, do que entender as coisas naturais.
Sempre que você tiver uma luta, você precisa discernir se é Deus falando e tratando você, ou se é o inimigo te atacando, e neste caso você precisa repreender e orar.
Sempre que alguém te afrontar, você precisa saber se é Deus corrigindo algo em você, ou se é o inimigo tentando te intimidar.
Sempre que surgirem pensamentos estranhos, você precisa discernir de onde vêm.
Tudo que acontece em nossos dias, em nossa geração, você precisa discernir o que o inimigo está fazendo e o que Deus está fazendo.
Precisamos ter intensa comunhão com a Palavra e na oração, para desenvolver esse discernimento.

A segunda visão que, como cristãos, precisamos ter, é VISÃO ABERTA. Joel profetizou que o Espírito seria derramado sobre todos, e os velhos sonhariam, e os jovens teriam visões.
David Young Cho fala no livro A QUARTA DIMENSÃO, sobre visualizar o que Deus quer fazer, antes que se concretize.
O que chamamos de sonhos, na verdade são visões em nosso espírito, que o Senhor planta, para gerarmos aquilo que Ele quer fazer.
É claro que existem os sonhos que são fantasias, como muitos sonham em “brilhar na Broadway” ou “ser uma celebridade”, por isso precisamos orar para que o Senhor sonde nossos sonhos e plante em nós aquilo que vem dEle, pois serão sementes que produzirão frutos. Por exemplo, o Senhor quer plantar em seu espírito a visão da empresa que ele quer te dar, das almas que você vai ganhar, da igreja que você vai pastorear, etc. Ele quer te dar visões.

O Senhor também nos dá visões para discernir o que Ele está fazendo no presente. Ele vai te mostrar os anjos se movendo, o óleo sendo derramado, o rio fluindo, e tudo isso no seu espírito, pois poucas pessoas vêem as coisas espirituais com os olhos naturais.
O Senhor pode mostrar também quando há cadeias a serem quebradas, laços, para você orar. Você pode usar muito isso no discipulado e no trabalho com outras pessoas.

O DISCERNIMENTO e a VISÃO ABERTA NO ESPÍRITO são usados pelo Senhor para nossa edificação. O Senhor quer te forjar e abrir sua visão. Talvez sua visão tenha sido aberta, mas você ainda enxerga embaçado, como aquele jovem cujos olhos foram tocados por Jesus. Jesus, então, quer tocar uma segunda vez, para tornar sua visão NÍTIDA E CLARA.

Que sua visão seja aberta, para enxergar as maravilhas que Deus está fazendo.

Deus abençõe,
-Jonathas L. Miguel

Nenhuma tag