Palavra da Semana

Fidelidade

A fidelidade é um estilo de vida que tem ficado muito ausente em nossas vidas, e cada vez mais fora de moda.
Porém, é uma das atitudes mais nobres do ser humano. Ser fiel a alguém ou algo, é o que nos torna constantes, e maduros.
Muitos dizem que não conseguem ser fieis, e até perguntam “o que devem fazer” para conseguirem ser fieis. Na verdade, não existe uma fórmula ou uma oração que faz você ser fiel. Isso é atitude em você, decisão, que precisa prevalecer, não importa o que aconteça.

Vamos ver um pouco sobre o que a Palavra fala sobre FIDELIDADE:

“Quem é fiel no mínimo, também é fiel no muito; quem é injusto no mínimo, também é injusto no muito”.
Lucas 16:10

“Além disso requer-se dos despenseiros que cada um se ache fiel”.
1 Coríntios 4:2

Em primeiro lugar, antes de sermos fieis, precisamos entender que Deus é Fiel, apesar de tudo:

“Fiel é o que vos chama, o qual também o fará”.
1 Tessalonicenses 5:24

“Mas fiel é o Senhor, que vos confirmará, e guardará do maligno”.
2 Tessalonicenses 3:3

“Se formos infiéis, ele permanece fiel; não pode negar-se a si mesmo”.
2 Timóteo 2:13

O Senhor é fiel apesar de nós. Esta é uma frase até bem clichê no meio cristão, e se tornou até adesivo de carro: DEUS É FIEL. Mas é uma das maiores realidades de nossa vida, precisa ser uma revelação em nossas vidas.

Acredito que SER FIEL não tem a ver apenas com NÃO TRAIR. Ser fiel tem a ver com 3 coisas básicas:

-NÃO TRAIR – nunca, nem com atitudes, nem com palavras, nem ocultando coisas da outra parte a quem somos fieis. E se trairmos, por algum motivo, que possamos confessar e voltar a sermos fieis.

-SER PRESENTE – ser fiel também tem a ver com ser presente. Estar presente, estar ali. A presença é o que o outro mais precisa. Estar junto, não abandonar, não ser ausente.

-AMAR COM ATITUDES – Ser fiel também é amar com atitudes práticas. Fazer algo em prol da outra parte, ajudar, investir nosso tempo, nossas palavras de incentivo, cultivar o relacionamento, proteger, presentear, surpreender, mostrar que se importa.

Não seja tão básico a ponto de achar que está sendo fiel apenas por não trair. Você precisa também ser presente e amar com atitudes.

PODEMOS SER FIÉIS:

-A Deus – em primeiro lugar, é claro. Nossa fidelidade a Deus é o que há de mais importante. Fiel á nossa entrega que fizemos a Ele, à sua Palavra, ao seu nome, a quem somos diante dEle.

-A nossa família – Fidelidade aos pais, à esposa, ao marido, aos filhos. No sentido de não trair, de não falar mal, de honrar, de não ocultar coisas, de ser presente, e valorizar, presentear, amar, investir tempo.

-Aos amigos – está em falta em nossos dias alguém digno de confiança. Não contar o que te foi confidenciado, ajudar, e também não ser cúmplice nos erros. Isto é fidelidade nas amizades.

-À sua igreja – você precisa ser fiel à sua comunidade, seu grupo de pessoas que servem a Deus juntos. Muitas pessoas são divididas e não protegem ao seu próprio grupo. Precisamos aprender a nos proteger uns aos outros. Se existem erros, precisamos ser corrigidos entre nós, e não levados a terceiros, causando escândalo de divisão.

Que a fidelidade seja nossa marca. Fidelidade a Deus, às pessoas que amamos, ao grupo no qual estamos inseridos. Que possamos ser fortes em decisão e em união.

-Deus abençõe!
-Jonathas L. Miguel

Nenhuma tag